• Uncategorized

    Cotidiano

    Hoje quero apresentar a música “Cotidiano”, de Chico Buarque, interpretada por Seu Jorge, para introduzir o estudo da Filosofia a partir da observação de nossa rotina diária. A música nos chama a atenção para o fato de que o hábito de realizar as mesmas atividades, todos os dias, da mesma forma, mecanicamente, faz com que não prestemos mais atenção a elas. A rotina bloqueia a reflexão, tão necessária à Filosofia. O mesmo acontece com o senso comum (conjunto de opiniões e ideias vigentes na sociedade), que acaba sendo aceito como natural e necessário sem questionamento ou reflexão. É interessante, ainda a propósito da música, notar a dificuldade e o desconforto…

  • Uncategorized

    “A filosofia e o cotidiano”

    Às vezes, é preciso olhar o mesmo cenário por outros ângulos. Nossa situação atual exige um pensar profundo e a função do filósofo é pensar. Mas, do ponto de vista filosófico, que significa pensar? Pensar é refletir. Refletir é como um ruminar, um voltar atrás sobre as coisas. Por isso, são poucos os que refletem e muitos os que memorizam ou acumulam mecanicamente determinadas informações. Dizíamos que refletir consiste em voltar atrás sobre as coisas; este ato constitui a origem do filosofar. Começar a pensar supõe sempre um desprendimento que podemos denominar crise. Crise – que em grego vem do verbo Krinein – indica mais distanciar-se do que julgar. É…